Como funciona o transporte rodoviário?

19 de janeiro de 2024 | Logística

O transporte rodoviário é uma peça fundamental no cenário logístico ,especialmente no Brasil, onde a malha rodoviária se estende por até 80.000 km em todo o país.

Dessa forma, o transporte rodoviário assume a posição de modal predominante no país, desempenhando um papel de extrema importância na movimentação de mercadorias e pessoas.

Este sistema abrange uma ampla gama de veículos, consolidando-se como uma peça-chave na conectividade entre diferentes regiões e setores da economia.

Neste texto, vamos explorar o que é o transporte rodoviário, suas características, os tipos de veículos envolvidos e as vantagens que o tornam uma escolha popular em muitas situações.

O que é transporte rodoviário?

O transporte rodoviário pode ser definido como a movimentação de mercadorias, matérias-primas ou pessoas de um ponto para outro por meio de veículos terrestres.

Este sistema se baseia no uso de veículos, como caminhões, ônibus e vans, que utilizam redes de estradas e rodovias previamente estabelecidas.

Trata-se de uma modalidade versátil, capaz de se adaptar a diferentes necessidades, abrangendo desde deslocamentos locais até trajetos de longa distância.

Transporte rodoviário e a ANTT

A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) tem como objetivo promover a eficiência, segurança e qualidade nos serviços de transporte terrestre no Brasil.

Criada pela Lei nº 10.233/2001, a agência é responsável pela regulação e fiscalização das atividades relacionadas a esse setor no país.

A sua atuação é centralizada no segmento rodoviário, onde regula o transporte de passageiros e cargas em âmbito interestadual e internacional.

O que a ANTT faz?

As principais atribuições da ANTT incluem:

  1. Regulação e Concessão de autorizações e permissões:
  2. Fiscalização das empresas que atuam no mercado;
  3. Estabelecimento de Tarifas de pedágios:
  4. Planejamento e Regulação Econômica:
  5. Participação em Licitações e Concessões de serviços de transporte rodoviário.

Características do transporte rodoviário

As características do transporte rodoviário mostram o porquê é a modalidade mais utilizada.

Entre as principais características destacam-se:

  • Acessibilidade: reconhecido por sua flexibilidade, o transporte rodoviário permite a entrega direta da carga, do ponto de origem ao destino final. Essa facilidade é viabilizada pela extensa rede de estradas que conecta áreas urbanas e rurais, proporcionando acesso a diversas localidades.
  • Versatilidade: os veículos rodoviários estão disponíveis em uma variedade de tamanhos e capacidades. Essa diversidade possibilita transportar diferentes tipos de cargas, sejam elas frágeis, volumosas, pesadas ou leves.
  • Velocidade: Em comparação com outras modalidades de transporte, o rodoviário oferece tempos de trânsito mais curtos, especialmente para distâncias curtas e médias.
  • Integração com outras modalidades: Funcionando como uma ponte, este meio conecta a carga aos demais modais, como o transporte marítimo e ferroviário, permitindo uma logística integrada.
  • Alcance geográfico: O transporte rodoviário é capaz de atingir praticamente todos os locais do mundo, principalmente, ao se unir a outros meios de transporte.

Essas características destacam a adaptabilidade e abrangência do transporte rodoviário, tornando-o uma escolha estratégica para diferentes necessidades logísticas.

 

Leia também: Porto de Santos: Conheça os terminais e o funcionamento!

Tipos de transporte rodoviário

Tipos de transporte rodoviário

Existem dois principais grupos dentro do transporte rodoviário: o transporte de passageiros e o transporte de cargas.

A seguir, apresentamos uma breve descrição de cada categoria.

Transporte de passageiros

O transporte rodoviário de passageiros é responsável pelo deslocamento de pessoas de um local para outro.

Essa modalidade inclui diferentes meios de transporte, tais como:

  • Ônibus: são utilizados para viagens intermunicipais, interestaduais e internacionais.
  • Vans: Empregadas para transportar grupos menores de passageiros, em trajetos curtos ou médios.
  • Carros: Essa opção é muito utilizada para viagens individuais ou familiares.

Transporte de cargas

O transporte rodoviário de cargas é uma atividade essencial na logística global, movimentando mercadorias entre diversas regiões.

Para essa finalidade, são utilizados diferentes tipos de veículos, incluindo:

  • Caminhões de Pequeno, Médio e Grande Porte: Adequados para variados volumes de carga, esses veículos atendem a diversas necessidades logísticas.
  • Carretas, Bitrens, Rodotrens e Containers: Esses veículos especializados são empregados para o transporte de grandes volumes ou cargas específicas.

No Brasil, o Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTRC) visa regulamentar e fiscalizar o setor, garantindo a segurança, a eficiência e a legalidade das operações.

O RNTRC, concedido pela ANTT, é um registro obrigatório para empresas e profissionais autônomos que realizam o transporte de cargas no Brasil.

Modalidades dentro do transporte de cargas

  • Transporte de Resíduos: especializados em transporte de resíduos sólidos, líquidos e perigosos, como coleta de lixo, resíduos industriais e outros materiais descartados.
  • Transporte de Valores: Envolve o deslocamento de valores financeiros, documentos importantes e objetos de alto valor. São serviços realizados por empresas especializadas que utilizam veículos blindados.
  • Transporte de Veículos: Segmento dedicado ao transporte de veículos, incluindo automóveis, motocicletas e outros meios de transporte motorizados. Este serviço abrange o deslocamento de veículos desde fábricas até concessionárias e centros de distribuição.
  • Transporte de Animais Vivos: Destinado ao deslocamento de animais vivos, como gado, aves e outros, destinados à reprodução, exposições e comércio.
  • Transporte de Cargas Especiais: Envolve o transporte de cargas de grandes dimensões ou pesos excepcionais, como equipamentos industriais, turbinas eólicas, transformadores, entre outros.
  • Transporte de Alimentos Perecíveis: Especializado no transporte de produtos alimentícios que exigem controle de temperatura, como carnes, laticínios, frutas e legumes. Para preservar a qualidade do alimento, utilizam veículos refrigerados ou isotérmicos.
  • Transporte de Produtos Perigosos (IMO): Essa modalidade destina-se ao transporte de substâncias perigosas, incluindo produtos químicos, inflamáveis, gases tóxicos, entre outros.
  • Transporte de Mudanças: Serviço especializado em mudanças residenciais e empresariais, que fornecem embalagem, transporte e descarregamento de móveis e outros itens.

Vantagens do transporte rodoviário

Vantagens do transporte rodoviário

Devido à extensa malha rodoviária, o transporte de cargas por rodovias e estradas é a primeira opção quando se fala de transporte de cargas.

Uma das principais vantagens dessa modalidade é a capacidade de atingir rapidamente o destino final, resultado do acesso direto tanto a áreas urbanas quanto a regiões mais remotas.

Essa acessibilidade é de suma importância para empresas que buscam entregas rápidas, a fim de atender às demandas do mercado.

Outro benefício do transporte rodoviário de cargas é a possibilidade de rastreamento em tempo real dos veículos, o que contribui para um gerenciamento logístico mais preciso.

Conclusão sobre o transporte rodoviário

O transporte rodoviário é muito importante para o desenvolvimento econômico, pois atende diversas demandas, tanto do transporte de mercadorias quanto de pessoas.

Suas características, variedade de veículos e inúmeras vantagens fazem dele uma escolha indispensável em muitos cenários.

Entender como funciona esse sistema é essencial para aqueles que estão envolvidos na gestão da cadeia de suprimentos.

 

Precisa de uma transportadora rodoviária de cargas? Entre em contato com a DeckLog, estamos à disposição para atendê-lo e esclarecer suas dúvidas sobre o serviço de cargas.